quinta-feira, 6 de novembro de 2014

AUDIÊNCIA SOBRE ABIGEATO COM A PROMOTORIA PÚBLICA DEBATEU AÇÕES PARA COMBATER ESSA AÇÃO CRIMINOSA EM NOSSO MUNICÍPIO.

Foto: Promotor Dr. Bill Scherer fala aos presentes

Realizou-se na quarta feira (05/11) a audiência com o Promotor Dr. Bill Scherer, marcada pela Presidência da Câmara de vereadores a pedido dos produtores rurais de nosso município, com o objetivo de buscar uma solução para estancar o crescente número de casos de abigeato registrados em nossa região.
Na audiência sobre o abigeato que contou com a presença dos Vereadores Cesar Madri (PP) e Rodnei Jacondino (PSDB) e o assessor Patrique Pinheiro Goulart representando o Ver. Cledemir Gonçalves (PSDB), o Presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Canguçu Pedro Adão, dentre outras autoridades e um grande número de produtores. O  Promotor de Justiça Dr. Bill Jerônimo Scherer, inicialmente declarou que o Ministério Público Juntamente com a Polícia Civil estão tomando medidas para interceptar os furtos, e que seriam duas quadrilhas de abigeatários que estariam atuando na região e que a Polícia Cível busca identificar as mesmas.

Presença Produtores, Autoridades e Vereadores

O Promotor também mostra preocupação em relação ao setor de investigação da polícia de Canguçu, que possui apenas um policial para atender uma grande demanda, há um déficit de funcionários na policia local.
Os produtores relataram que os furtos acontecem quando o proprietário da terra não está, sendo a propriedade guardada apenas por um caseiro que escuta barulhos, mas não consegue identificar quem são os envolvidos, porque eles fogem. Os casos ocorrem a noite, e muitas vezes os abigeatários matam o gado e deixam apenas a carcaça.
Recentemente o Inspetor da Polícia Civil Leonardo Garcia, após receber uma denúncia de furtos de ovelhas seguiu os rastros dos animais e encontrou pelos nos arames e percorreu pelo matagal cerca de 10 quilômetros até uma propriedade onde estavam os 25 ovinos identificados pelo proprietário do mesmo. O criminoso está respondendo a um processo criminal e poderá ser condenado.
O Ministério Público juntamente com a Polícia Civil estão investigando os açougues clandestinos e a venda ilegal de carne, o promotor não quis adiantar a investigação, mas declarou que teremos notícias em breve sobre esse assunto. Pois, a Polícia Civil está mapeando os abatedouros para agir de modo inteligente .
O agrônomo aposentado da EMATER Dr. Jorge Arnez sugere aos produtores que se unam para tomarem medidas em relação aos furtos, e para que possam contribuir com as investigações, para que a polícia possa fazer as abordagens, os mandatos de busca e a apreensão. 

Dr. Jorge Arnez propõe união dos produtores rurais

Ao final da audiência foi decidido que será proposta a realização de uma Audiência Pública com a presença de representantes da Polícia Civil, do Executivo e da Brigada Militar.para tratar do caso e as possíveis medidas que poderão serem adotadas na busca da solução desse problema que acarreta granes prejuízos aos produtores e a economia local.
Reportagem: Antoniéla Fonseca e Marcos Schwab
Fotos: Antoniéla Fonseca